PIB com forte queda na UE e Zona Euro

Publicado em 31/07/2020 10:35 em Conjuntura Internacional

O Departamento de Estatísticas das Comunidades Europeias (Eurostat) estima que no segundo trimestre o PIB caiu 14,4% homólogos na União Europeia (UE) e recuou 15,0% homólogos na Zona Euro.

Em cadeia (face ao trimestre anterior), o Eurostat estima que o PIB da UE diminuiu 11,9% e o da Zona Euro baixou 12,1%.

O organismo estatístico sublinha que estas são as maiores quedas observadas desde oi início da série, em 1995.

O comunicado do Eurostat publica também as estimativas preliminares para os 10 países (incluindo Portugal) que efectuaram estimativas a 30 dias.

Em termos homólogos, o maior agravamento foi o do PIB de Espanha, que recuou 22,1%, seguindo-se a França (menos 19,0%), a Itália (menos 17,3%), Portugal (menos 16,5%), Bélgica (menos 14,5%), Áustria (menos 13,3%), Alemanha (menos 11,7%), República Checa (menos 10,7%), Letónia (menos 9,6%) e Lituânia (menos 3,7%).

Em cadeia, a Espanha também lidera pela negativa, com uma queda de 18,5%, surgindo depois Portugal (menos 14,1%), França (menos 13,8%), Itália (menos 12,4%), Bélgica (menos 12,2), Áustria (menos 10,7%), Alemanha (menos 10,1%), República Checa (menos 8,4%), Letónia (menos 7,5%) e Lituânia (menos 5,1%).

Ainda sem comentários