Lucros da Oracle cresceram 39% no ano fiscal 2011

Publicado em 23/06/2011 23:54 em Empresas

Os lucros da Oracle cresceram 39% homólogos no ano fiscal de 2011 (terminado a 31 de Maio passado), para 8,5 mil milhões de dólares (6,0 mil milhões de euros), revelou a multinacional norte-americana de informática.

Em comunicado de apresentação de resultados, a gigante das bases de dados anunciou um volume de negócios 35,6 mil milhões de dólares (24,9 mil milhões de euros), um acréscimo de 33% face ao ano fiscal anterior.

As receitas de novas licenças de software cresceram 23% no ano fiscal de 2011, para 9,2 mil milhões de dólares (6,4 mil milhões de euros), a facturação das actualizações de licenças e suporte de produtos aumentou 13%, para 14,8 mil milhões de dólares (10,4 mil milhões de euros), o negócio de hardware novo cresceu 12%, para 4,4 mil milhões de dólares (3,1 mil milhões de euros), e a manutenção de hardware cresceu 3%, para 1,3 mil milhões de dólares (880 milhões de euros).

Os resultados operacionais subiram 33%, para 12,0 mil milhões de dólares (8,4 mil milhões de euros no exercício de 2011.

O presidente da Oracle, Mark Hurd, citado no comunicado, indicou que a companhia instalou até agora mil máquinas Exadata para bases de dados e tem como objectivo triplicar esse número durante o exercício de 2012.

O CEO da companhia, Larry Ellison, destacou que no ano fiscal de 2011 oi negócio de bases de dados da Oracle apresentou o crescimento mais rápido da última década.

Ainda sem comentários