Clientes de quarta geração vão multiplicar-se por 35 até 2015

Publicado em 12/06/2011 15:35 em Geral

Os clientes de serviços de quarta geração móvel LTE (Long Term Evolution) vão multiplicar-se por mais de 35 vezes entre 2011 e 2015, prevê a consultora e analista de mercados In-Stat.

A In-Stat sublinha que entre dados, voz e vídeo a utilização de largura de banda das telecomunicações móveis multiplicou-se por 10 desde 2008 e vai continuar a acelerar.

Acrescenta que a obsessão de se ligar em qualquer lugar, em qualquer altura e com diferentes dispositivos, com acesso a todos os tipos de conteúdos digitais, tem um grande impacto no mundo das comunicações móveis.

Chris Kissel, analista da In-Stat, assinala que o LTE será claramente o serviço de quarta geração do futuro, embora a terceira geração ainda deva predominar em 2015, também com um crescimento robusto, enquanto o GSM (segunda geração móvel) deverá iniciar um ligeiro declínio a partir de 2012.

Entretanto, o International Multimedia Telecommunications Consortium (IMTC) anunciou que efectuou a sua primeira chamada de voz sobre LTE (VoLTE - Voice over LTE) sobre uma infra estrutura comercial de quarta geração móvel, envolvendo actores chave da indústria como a Ericsson, Huawey, Samsung, Intel Mobile e ST Ericsson.

O operador norte-americano Verizon anunciou no princípio de Fevereiro ter realizado uma chamada de 33 segundos em VoLTE sobre a rede comercial, indicando que lançará comercialmente em 2012 um serviço com esta tecnologia.

O teste da Verizon foi realizado ainda antes de a Associação GSM (GSMA) ter anunciado a 15 de Fevereiro a «Iniciativa VoLTE».

O VoLTE beneficia de o LTE ser uma tecnologia «all IP» (protocolo Internet) e deverá garantir a continuidade das chamadas telefónicas ou de dados quando se faz a transição de uma zona de cobertura LTE para 3G ou GSM.

Ainda sem comentários