Internet socializa crianças e adolescentes

Publicado em 28/05/2011 01:01 em Internet

Um estudo do instituto de conjuntura económica alemão Ifo, ligado à Universidade de Munique, afirma que a Internet promove a actividade social das crianças e adolescentes, ao contrário do entretenimento passivo, como a televisão.

O relatório salienta que a Internet oferece uma larga gama de possibilidades de contactos e anuncia um grande número de acontecimentos futuros.

No estudo apresentado sexta-feira em Munique, os investigadores refutam as teses de que a Internet contribuiria para o isolamento social e minaria os fundamentos da nossa sociedade, sublinha o Ifo.

Ludger Woessmann, que chefia o departamento de Capital Humano e Inovação do Ifo, destacou que não há qualquer tipo de evidência de que a Internet aumente o isolamento e a solidão das pessoas.

Pelo contrário, uma ligação de banda larga à Internet em casa, em média, influencia positivamente as actividades sociais das crianças e adolescentes.

O estudo, em que participaram também os investigadores Oliver Falck e Stefan Bauernschuster, do Instituto Ifo, indica que aqueles jovens participam mais frequentemente em actividades de grupo fora da escola, nomeadamente desportivas e musicais, e a participação em actividades extra-curriculares nas escolas não é afectada.

O Ifo diz que as conclusões desta investigação pode levar os críticos da Internet, que receavam que a «geração Facebook» se isolasse à frente dos monitores de computadores, a repensarem as suas posições.

Acrescenta que numerosos estudos mostram que o uso de computadores e Internet dificilmente têm um efeito positivo nos resultados escolares dos jovens e adolescentes. Contudo, parece estimular a sua participação em actividades extra curriculares na escola.

O Ifo garante que a reacção das crianças e adolescentes é idêntica à dos adultos, para quem o uso da Internet não revela efeitos negativos na sua participação social e que continuam a visitar amigos e a empenhar-se politicamente.

Os investigadores salientam que as pessoas hoje passam horas ou frente à televisão ou nos computadores.

Mas enquanto a televisão é um entretenimento passivo, a Internet é usada de modo interactivo, tornando mais fácil a comunicação com outras pessoas e permitindo planear actividades no mundo real.

«Evidentemente, a função de informação e comunicação da Internet é dominante sobre o entretenimento passivo», assinalam os investigadores.

Neste estudo, os investigadores analisaram a correlação entre a posse de banda larga e os comportamentos sociais de cerca de 18 mil adultos e 2 500 crianças e adolescentes, com idades entre os sete e os 16 anos de idade.

Ainda sem comentários