Receitas infra-estruturas comunicações móveis em baixa

Publicado em 30/03/2010 13:13 em Indústria

As receitas dos fabricantes internacionais de infra-estruturas de telecomunicações móveis baixaram 10% no terceiro trimestre, para cerca de 9 mil milhões de dólares (mais de 6 milhões de euros) segundo um relatório do grupo Dell’Oro.



Esta situação relaciona-se com o facto de a China praticamente ter concluído a instalação de estações de base para a sua rede de comunicações móveis de terceira geração durante o primeiro semestre, período em que o fabricante chinês de redes de telecomunicações móveis Huawei quase duplicou a sua quota no mercado mundial, atingindo 20%.



A Huawei tornou-se no segundo maior fabricante mundial de redes de telecomunicações móveis na primeira metade de 2009, ultrapassando a Nokia Siemens Networks (NSN).



A NSN espera, contudo, melhorar a sua quota de mercado em 2010, um ano em que se espera que a facturação fique ao nível de 2009.

Ainda sem comentários