Receitas da Vodafone cresceram 3% no terceiro trimestre fiscal

Publicado em 04/02/2011 18:31 em Operadores / Serviços

O volume de negócios da operadora multinacional de telecomunicações Vodafone cresceram 3,0% em base comparável no terceiro trimestre do ano fiscal de 2011 (1 de Outubro a 31 de Dezembro de 2010), para 11 894 milhões de libras (14 096 milhões de euros).

Em comunicado, a companhia indica que as suas receitas de serviço cresceram 2,5% em dados comparáveis, para 10 960 milhões de libras (12 991 milhões de euros).

As receitas geradas na Europa praticamente estabilizaram, com acréscimo marginal de 0,2% para as operações continuadas, ascendendo a 7 657 milhões de libras (9 076 milhões de euros).

As receitas de dados progrediram 27,2% (17,8% na Europa), dinamizadas pela crescente penetração de smartphones no mercado, as de telefonia fixa aumentaram 4,7% e a facturação com a banda larga fixa subiu 11,7%, indica a Vodafone.

As despesas de capital cresceram 14,5%, para 1 545 milhões de libras (1 831 milhões de euros).

O presidente executivo da Vodafone, Vittorio Colao, citado no comunicado, salienta que foi o quinto trimestre consecutivo de crescimento das receitas de serviços, com fortes aumentos na Índia, Turquia, Reino Unido e África do Sul.

A Vodafone tinha no fim de Dezembro 358,86 milhões de clientes, um aumento superior a 15,42 milhões no trimestre em análise.

Ainda sem comentários