Comissão Europeia investiga alegado acordo PT Telefonica

Publicado em 26/01/2011 23:07 em Operadores / Serviços

A Comissão Europeia abriu uma investigação formal sobre um alegado acordo entre a operadora portuguesa PT e a espanhola Telefonica para não concorrerem nos respectivos mercados domésticos, o que violaria as regras comunitárias.

A Comissão diz estar preocupada com um acordo assinado no ano passado pelas duas companhias a propósito da venda da participação dos 50% da PT no capital da Brasilcel (que controla a operadora móvel brasileira Vivo) à operadora histórica espanhola, que é válido até ao fim de 2011.

A Comissão está igualmente a investigar «os efeitos da cooperação entre as partes em Espanha e Portugal antes da transacção da Vivo em 2010».

A Comissão Europeia garantiu que não fixou um prazo para concluir este processo de investigação.

Ainda sem comentários