Receitas da Altice Portugal baixaram em 2017

Publicado em 15/03/2018 23:50 em Operadores / Serviços

A multinacional de telecomunicações Altice anunciou hoje que as receitas da sua filial Altice Portugal foram de 2164,1 milhões de euros no ano passado, uma redução homóloga de 1,1%, e um EBITDA ajustado de 1007,2 milhões de euros, uma diminuição de 0,7%.

Em comunicado internacional de resultados, que integra dados sobre Portugal, a Altice adianta que as suas despesas de capital (CAPEX) cresceram 3,9% em 2017, atingindo 458,2 milhões de euros.

A companhia indica que no ano passado a Altice Europe facturou 14 719,3 milhões de euros, um decréscimo de 0,4%, registou um EBITDA (resultados antes de juros, impostos depreciações e amortizações) de 5785,7 milhões de euros, praticamente ao nível de 2016, e despesas de capital de 3235,8 milhões de euros (menos 12,1%).

A multinacional indica que no fim do ano passado ultrapassou em Portugal os 4 milhões de casas passadas com fibra óptica, e adianta que tinha no fim do ano passado 1,55 milhões de clientes residenciais de rede fixa, dos quais 620 mil com fibra óptica e 935 mil com tecnologia DSL (banda larga sobre par de fios telefónicos de cobre), e um total de 6,476 milhões de clientes de serviços móveis, sendo 2,817 milhões de serviços por subscrição e 3,658 milhões de clientes de serviços pré-pagos.

No último trimestre de 2017, a receita média por cliente (ARPU) da Portugal Telecom era de 33,1 euros mensais para os clientes de rede fixa (34,4 euros no fim de 2016) e de 6,0 euros por mês nos serviços móveis (6,8 euros mensais um ano antes).

O comunicado afirma que a MEO conseguiu no ano passado 142 mil novos clientes de serviços de fibra óptica, aproximadamente o dobro de 2016, e atingiu um recorde de 43 mil novos clientes no último trimestre de 2017.

As receitas de serviços a empresas voltaram ao crescimento em Portugal no quarto trimestre, aumentando 0,7% homólogos, tanto no serviço fixo (mais 0,1%), como no móvel (mais 1,9%), no âmbito da estratégia de retenção das maiores empresas e de crescimento nas pequenas e médias empresas, precisa o grupo.

A Altice indica que as receitas grossistas da MEO desceram 6,8% homólogos no quarto trimestre, principalmente devido à aposta dos restantes operadores na utilização de redes próprias de fibra óptica em vez do aluguer de ligações dos circuitos de cobre da MEO, e o declínio das chamadas relacionadas com concursos de televisão.

Ainda sem comentários