Smartphones e Tablet PC servem de comandos remotos do Meo

Publicado em 06/12/2010 21:26 em Geral

A Portugal Telecom anunciou que os iPhone e iPad, da Apple, e os smartphones e tablet PC com o sistema operativo Android, da Google, podem funcionar como controlo remoto das televisões com o Meo, a televisão e «triple play» da PT, através do download gratuito de uma aplicação que o permite.

Em encontro com a imprensa, o presidente executivo da Portugal Telecom, Zeinal Bava, assinalou que «os comandos remotos estavam a ficar muito para trás» face à evolução de outros dispositivos.

«Sentia uma grande frustração por não ver os controlos remotos a acompanhar a evolução de outros dispositivos», observou o líder da PT.

De fora ficam, por enquanto, o sistema operativo Symbian, o mais utilizado pela Nokia e que é líder no mercado de smartphones, e o Windows Mobile, que Zeinal Bava prevê que venham ser abrangidos também por esta funcionalidade.

O presidente executivo da PT salientou que num momento em que há smartphones a custar 149 euros, caminhamos para a massificação desses terminais móveis.

A PT sublinha que esta solução alia as funcionalidades de um comando tradicional aliadas às que apenas são possíveis num equipamento móvel, prevendo que os comandos tradicionais terão tendência a desaparecer.

A operadora histórica assinala que a nova funcionalidade foi desenvolvida por equipas da PT Inovação e do SAPO e conjuga facilidade de utilização, a conveniência de ter o comando da televisão no telemóvel e maior facilidade na televisão interactiva.

Zeinal Bava salientou que a utilização dos smartphones ou tablet PS como controlos remotos facilita a interactividade e a ligação a redes sociais num ecrã de maiores dimensões, a televisão.

Os terminais móveis a funcionar como comandos remotos permitem, também aceder ao Guia TV do Meo, definir os programas de televisão favoritos ou fazer a pesquisa de um programa, série ou filme com o teclado do dispositivo, sem a morosidade de seleccionar as letras com um comando remoto.

O presidente da PT destacou que esta tecnologia dá hipótese de se decidir o que se quer ver ou gravar através do telemóvel, mas também de partilhar o programa que se está a ver com um amigo do facebook.

Zeinal Bava salientou que o Meo já tem cerca de 800 mil clientes e está a caminho de assumir também a liderança da televisão por subscrição.

Ainda sem comentários