Facturação Capgemini cresceu 2% até Setembro de 2017

Publicado em 02/11/2017 23:08 em Empresas

A consultora Capgemini anunciou que o seu volume de negócios cresceu 2,0% homólogos nos três primeiros trimestres de 2017, para 9459 milhões de euros.

Em comunicado de resultados, a Capgemini indica que, corrigida de variações cambiais, a sua facturação cresceu 3,2% nos nove primeiros meses do ano em curso.

Paul Hermelin, presidente e CEO do grupo Capgamini, citado no comunicado, afirma que o terceiro trimestre foi marcado pelo crescimento mais rápido e significativo da consultora, em particular na América do Norte, que representa 31% da facturação, com um acréscimo de 6,9% a taxas de câmbio constantes.

A Capgemini indica que no terceiro trimestre o volume de negócios no Reino Unido e Irlanda (13% das receitas totais) caiu 10,8%, em França (que representa mais de um quinto dos negócios) aumentou 4,7% e no resto da Europa (27% das receitas) cresceu 6,8% corrigidos de flutuações cambiais.

A consultora indica que as suas receitas cresceram 10% na Alemanha, Itália e Escandinávia, e estabilizaram no Benelux (Bélgica, Holanda e Luxemburgo), enquanto na Ásia/Pacífico e América Latina cresceram 2%.

Acrescenta que no trimestre passado se registou uma elevada taxa de crescimento nas actividades de digital e Cloud, de 23% a taxas de câmbio constantes.

O grupo indica que a 30 de Setembro passado empregava 198 600 trabalhadores, um crescimento homólogo de 5,9%

Ainda sem comentários