Web Summit anuncia mais 2 mil bilhetes INSPIRE

Publicado em 31/10/2017 01:27 em Web Summit

A Web Summit anunciou que disponibiliza 2 mil bilhetes adicionais para jovens dos 16 aos 23 anos, no âmbito do programa INSPIRE, uma parceria com o Governo português.

Há uma semana, CEO da Web Summit, paddy Cosgrave, e o Ministro português da Economia, Manuel Caldeira Cabral, anunciaram a disponibilização de 10 mil bilhetes para jovens entre os 16 e os 23 euros para participar numa manhã ou numa tarde de um dos três dias da Web Summit pelo preço simbólico de 7,5 euros.

Na apresentação do programa INSPIRE, Cosgrave indicou que o número de bilhetes a preço simbólico para jovens passou de 6 mil no ano passado para 10 mil em 2017.

Cosgrave revelou sexta-feira que se tinham candidatado ao programa INSPIRE 100 mil jovens portugueses e que os bilhetes estavam esgotados e anuncia agora a disponibilização de 2 mil bilhetes adicionais no âmbito do programa, para jovens portugueses que se candidatem em www.websummit.com/inspire.

Isto significa que de 2016 para a edição de 2017 o número de bilhetes disponibilizados no âmbito do INSPIRE duplicou.

Paddy Cosgrave sublinha que foi informado de que há pessoas a tentar vender bilhetes do programa INSPIRE na Internet e reafirma que as pessoas que tiverem um bilhete revendido não poderão entrar e o bilhete será anulado, porque se trata de uma violação dos termos e condições.

A organização tinha já anunciado anteriormente que os bilhetes para a Web Summit são pessoais e intransmissíveis e que há forma de identificar bilhetes revendidos.

Todos os bilhetes contêm a identificação do titular e o número de um documento de identificação, que terá de ser apresentado na entrada do evento.

A Web Summit 2017 decorre nos dias 6, 7, 8 e 9 de Novembro no Parque das Nações (MEO Arena e FIL) com a participação prevista de cerca de 60 mil pessoas de mais de centena e maia de países.

Aquela conferência de tecnologias realizou-se desde 2010 na Irlanda e, a partir de 2016 e pelo menos até 2018, decorre em Lisboa.

Ainda sem comentários