Portugal oitavo na Europa em ligações fibra óptica em casa

Publicado em 01/03/2017 00:41 em Geral

Mais de um quarto (25,9%) das casas em Portugal dispõem de ligações em fibra óptica, o que ao país confere o oitavo lugar na Europa, à frente de Estados como Espanha, Finlândia, Dinamarca, Holanda, Luxemburgo, França, Alemanha ou Itália, segundo dados do FTTH Council Europe.

O FTTH Council Europe é uma organização sem fins lucrativos que tem como missão dinamizar a adopção de ligações em fibra óptica para permitir disponibilizar maiores larguras de banda e aumentar a competitividade dos países europeus.

Os dados do FTTH Europe, referentes ao fim de Setembro de 2016 e agora divulgados, listam todos os países europeus com taxas de penetração de fibra óptica superiores a 1%, incluindo-se neste conceito a fibra óptica até casa (FTTH) ou a fibra óptica até ao edifício (FTTB).

A lista é encabeçada pela Letónia, com uma taxa de penetração de 45,2%, seguindo-se a Suécia (40,7%), a Lituânia (40,3%), a Rússia (34,3%), a Roménia (31,7%), a Noruega (31,0%), a Bulgária (26,5%), Portugal (25,9%, toda de FTTH), a Espanha (24,9%) e em décimo lugar a Finlândia (23,7%).

O FTTH Council Europe destaca que a Letónia confirmou o impressionante progresso na adopção de fibra que se verificou desde o fim de 2014 e alcançou a liderança europeia em termos de taxa de penetração.

O conjunto da União Europeia tem uma taxa de penetração média de 9,4%.

No total, 27 países de toda a Europa têm taxas de penetração de FTTH e/ou FTTB acima de 1%.

Alguns dos países europeus mais desenvolvidos têm baixas taxas de penetração, como é o caso da Áustria (1,2%), Alemanha (1,6%) ou Itália (1,9%).

O FTTH Council Europe Indica que no fim de Setembro havia na Europa 44,3 milhões de subscritores de FTTH/FTTB, um aumento de 23%, enquanto o número de casas passadas (com acesso potencial à tecnologia) cresceu 17%, para 148 milhões.

Aquela organização indica que no fim de Setembro havia 20,5 milhões de subscritores de FTTH/FTTB na União Europeia (UE).

Destaca que a Rússia tinha mais de 17 milhões de casas ligadas com FTTH/FTTB no fim de Setembro passado, a Espanha 4,5 milhões (um crescimento de 72%) e a França 3,2 milhões, um acréscimo de 32%.

Indica que a Áustria e a Sérvia se juntaram ao ranking dos países com taxa de penetração de 1% ou superior (relativo a Setembro e agora divulgado).

Ainda sem comentários