Contas do fundador do Facebook pirateadas em redes sociais

Publicado em 07/06/2016 00:17 em Segurança Informática

A empresa de segurança informática Sophos afirma que «o sr redes sociais», Mark Zuckerberg, fundador e CEO do Facebook, foi vítima de comprometimento de contas em redes sociais durante o fim-de-semana, aparentemente por reutilização da palavra passe do LinkedIn, que foi comprometida.

Num texto publicado no blogue oficial da Sophos, Lisa Vaas indica quea palavra passe utilizada em mais do que uma rede era «dadada».

Vaas assinala que alguém usando o nome OurMine gabou-se do alegado comprometimento das contas do CEO do Facebook dizendo que identificou a palavra passe «dadada» no LinkedIn e que comprometeu a conta do Instagram, o que seria muito embaraçoso porque esta rede de partilha de fotos pertence ao Facebook.

Fonte da empresa disse à Sky News e a outros órgãos de informação que apenas as contas de Zuckerberg no Pinterest e no Twitter tinham sido de facto comprometidas e garantiu que nenhumas contas do Facebook foram comprometidas e que já foi reposta a segurança das contas afectadas.

As contas de Zuckerberg no Pinterest e no Twitter exibiram por algum tempo a mensagem «Hacked by OurMine Team» (pirateado pela equipaOurMine).

A Sophos volta a alertar para os perigos de reutilização de códigos e palavras passe, que pode permitir controlar múltiplas contas e criar situações embaraçosas ao conseguir aceder aos diversos contactos do utilizador e roubar-lhe a identidade.

Ainda sem comentários