Netflix confirma qualidade vídeo inferior em redes móveis

Publicado em 05/04/2016 00:22 em Operadores / Serviços

A empresa de conteúdos vídeo Netflix confirmou que fornece vídeos com uma qualidade inferior para os serviços de rede móvel, revelou a newsletter Telecoms.com.

O CEO da T-Mobile, John Legere, denunciou recentemente a responsabilidade dos operadores móveis AT&T e Verizon nessa situação, afirmando que os clientes desconhecem, quando vêem a Netflix, que no T-Mobile conseguem 480p, enquanto nas duas concorrentes citadas apenas têm 360p.

«Aposto que não sabiam disto. Vão verificar. É verdade», acrescentou Legere.

Em consequência daquelas declarações, os dois operadores norte-americanos concorrentes ficaram sob escrutínio dos consumidores relativamente à qualidade vídeo, adianta a newsletter.

Anne Marie Squeo, da comunicação da Netflix, disse que os fornecedores de serviços de telecomunicações têm políticas próprias de «bitrates» para aos utilizadores nas ligações de dados móveis, o que significa que os operadores não têm de prestar contas à Netflix sobre a qualidade que disponibilizam.

O que permite assumir que a T-Mobile ou acordou uma política alternativa de qualidade ou melhorou ela própria a qualidade, sublinha a Telecoms.com.

A porta-voz da Netflix indicou que primariamente a empresa pretende assegurar a maior satisfação dos clientes, não esmagando a qualidade através de limites de dados postos à disposição dos utilizadores, a anunciou que nos próximos meses disponibilizará na sua aplicação móvel uma ferramenta de gestão de dados.

Observou que essa ferramenta, que poderá estar disponível a partir de Maio, permitirá aos utilizadores controlar melhor os dados consumidos e ajustar a qualidade em função dos planos de dados de que cada um dispõe.

Ainda sem comentários