Portugal abaixo da UE em indicadores de comunicações

Publicado em 24/10/2010 15:59 em Destaques

Portugal abaixo da UE em indicadores de comunicações



Portugal situa-se claramente abaixo da média da União Europeia (UE) a 27 em matéria de e.comunicações residenciais, em particular na penetração da Internet, segundo um eurobarómetro em que foram inquiridas 26 761 pessoas, das quais 1 038 em Portugal.

A taxa de penetração de telefones é muito elevada em Portugal (95%) mas abaixo da média da UE (98%), mas não chegam a metade os que dispõem simultaneamente de telefone fixo e móvel (46%), o que compara com 62% na média dos 27.

Mais de dois em cada cinco (41%) portugueses dispõe apenas de telefone móvel e não tem telefone fixo, uma percentagem que desce para 25% em média da UE (um em cada quatro particulares).

Apenas 40% dos portugueses têm acesso à Internet em casa, um peso muito abaixo abaixo dos 57% em média nos 27 Estados membros.

Apenas um terço dos portugueses tem Internet de banda larga, contra uma média de 48% na União Europeia.

Têm televisão em casa 98% dos portugueses, percentagem idêntica à média da UE, e 34% têm televisão integrada em pacotes de serviços (38% na UE), indica o Eurobarómetro.

Mais de metade (54%) dos portugueses recebe o sinal de televisão através de antenas colocadas nos telhados, contra 34% em média na UE, 35% através de TV por subscrição (30% nos 27) e uma percentagem diminuta de 8% tem televisão por satélite, um terço dos 24% de média comunitária.

Dos que têm telefones móveis, afirmaram ter acesso à Internet móvel 21% dos portugueses (um terço em média na UE), 77% afirmaram que não tinham acesso à Internet no telemóvel (63% nos 27) e 2% dos residentes não sabem se dispõem ou não de Internet móvel (4% na UE).

Apenas em 6% das famílias portuguesas alguém fez já chamadas telefónicas por Internet através de Voice over Internet Protocol (VoIP), enquanto a média na UE é de 22%.

Quase um quarto (24%) dos portugueses utilizam redes sociais, ainda bastante aquém dos 35% de cidadãos comunitários que declararam utilizá-las.

Ainda sem comentários