Nokia anuncia venda da HERE por 2,8 mil milhões euros

Publicado em 03/08/2015 23:19 em Destaques

A Nokia anunciou hoje a venda da sua divisão de mapas e soluções de navegação e localização GPS a um consórcio da indústria automóvel por 2,8 mil milhões de euros.

Em comunicado, a Nokia afirma que a venda foi feita para um valor da empresa de 2,8 mil milhões de euros e deverá estar concluída no primeiro trimestre de 2016, estando a operação sujeita à aprovação dos reguladores.

Contudo, a Nokia estima que no encerramento da transacção deverá receber um valor ligeiramente acima dos 2 500 milhões de euros porque o comprador deverá ser compensado por certas responsabilidades definidas da HERE que deverão ser ligeiramente inferiores a 300 milhões de euros..

O consórcio comprador inclui os fabricantes alemães Audi (grupo Volkswagen), BMW Group e Daimler AG (fabricante do Mercedes e Smart), adianta a multinacional finlandesa.

A companhia recorda que anunciou uma revisão das suas opções estratégicas no quadro da aquisição e fusão com a Alcatel-Lucent e sublinha que esta venda conclui esse processo, depois de ter desinvestido na área dos dispositivos móveis, com a venda dessa divisão móvel à Microsoft há mais de um ano.

Rajeev Suri, presidente e CEO, citado no comunicado, destaca que a venda da HERE conclui a última fase da transformação da Nokia, considerando que esta transacção foi a melhor solução para os accionistas da Nokia e para os trabalhadores e clientes da HERE.

A Nokia sublinha que a HERE está a desenvolver uma solução de localização na nuvem que aproveita o poder dos dados gerados pelos veículos, dispositivos e infra estruturas para fornecer em tempo real serviços de localização personalizados.

O presidente da HERE, Sean Fernback, citado no comunicado, sublinha que na primeira metade de 2015 a HERE facturou 552 milhões de euros, depois de no conjunto do ano passado ter obtido receitas de 971 milhões de euros.

A Nokia precisa que ficará apenas com a NSN – Nokia Systems and Networks, fabricante de soluções e redes de telecomunicações (móveis e fixas) e a Nokia Technologies, que detém a carteira de patentes da multinacional finlandesa e faz investigação e desenvolvimento.

A consultora a analista de mercados IHS estima que no ano passado foram vendidos em todo o mundo 17 milhões de veículos que incluíam sistemas de navegação, número que em 2021 excederá os 25 milhões.

A IHS prevê que este ano o negócio da HERE com licenciamento de mapas para a indústria automóvel atingirá os 600 milhões de euros, a que acrescem receitas de outras áreas, que compara com 64 milhões de euros de licenciamentos de mapas da Tom-Tom para a indústria automóvel.

Ainda sem comentários