Everything Everywhere vai cortar 1 200 empregos

Publicado em 05/10/2010 22:29 em Operadores / Serviços

A operadora móvel britânica Everything Everywhere (EE), criada pela fusão enhtre a Orange do Reino Unido e a T-Mobile, prevê cortar 1 200 empregos, correspondentes a 7,5% dos postos de trabalho, ainda antes do fim de 2010, segundo noticiou o Financial Times.

Esta medida decorrerá da consolidação entre as duas empresas e poderá afectar particularmente áreas como a tecnológica e a jurídica.

O presidente executivo da EE lamentou a situação mas afirmou ao jornal que a companhia precisava de eliminar duplicações entre os quadros das duas empresas que lhe deram origem.

Acrescentou que a redução de postos de trabalho faz parte de um plano de aproveitamento de sinergias que permitirá poupanças até 3,5 mil milhões de libras.

A EE indicou que a partir de 5 de Outubro os clientes de ambas as companhias poderão utilizar qualquer das redes das duas empresas fundidas sem qualquer custo adicional.

Ainda sem comentários