Google lança Android M e Google Photos no Google I/O

Publicado em 01/06/2015 00:53 em Destaques

A multinacional Internet Google apresentou sexta e sábado no Google I/O 2015, um evento anual da companhia para programadores, a nova plataforma Android M, o Android Pay, o Google Photos, o projecto Brillo e o Google Expeditions.

Num «post» publicado no blog oficial do Google, o vice-presidente sénior Sundar Pichai indicou que o Android M é o sistema mais poderoso até agora lançado, apresentando centenas de melhorias, incluindo de duração da bateria e facilidade de definição de qual a informação que pode ser acedida pelas aplicações, além de actualizações do Google Now para tornar mais simples encontrar informação no momento em que ela é precisa.

O responsável do Google destacou que o Android Pay (que a Visa e a Mastercard já anunciaram, em comunicados, suportar), permite aos utilizadores de Android fazer pagamentos com o telemóvel sem abrir aplicações.

A Visa e a MasterCard anunciaram os respectivos acordos com a Google e salientam que com o Android Pay disponibilizam aos portadores de cartões das suas marcas novas formas de fazer pagamentos.

Sundar Pichai destaca que o Google anunciou apoio a programadores para o sistema operativo iOS, da Apple, e lançou a Brillo, uma plataforma para a Internet das Coisas (IoT, na sigla inglesa), que inclui um novo protocolo de comunicações, o Weave.

A empresa lançou o Google Expeditions, que permite aos utilizadores, nomeadamente estudantes, fazerem visitas virtuais a locais como a Lua ou o fundo dos oceanos, e levantou o véu sobre o que será o Jump, que Pichai diz permitir «capturar um mundo em vídeo onde os utilizadores podem envolver-se».

A companhia apresentou o muito aguardado Google Photos, disponível para Android e para iOS, para organizar automaticamente e visualizar fotos e vídeos, dispondo as imagens por pessoas, locais ou coisas importantes e permitindo aceder rápida e facilmente a qualquer fotografia ou vídeo específico.

A companhia sublinha que a humanidade já tirou triliões (milhão de milhões de milhões, ou um número com 18 zeros) de fotografias e que este ano deverá tirar outro trilião, observando que com o número de registos fotográficos ou vídeo que as pessoas fazem a capacidade de armazenamento esgota-se e as imagens vão ficando guardadas em diferentes suportes.

Acrescenta que o Google Photos é «a casa» das fotos e vídeos do utilizador, «um local único e privado para guardar as memórias de uma vida» e permite aceder à fotografia que se pretende a partir de qualquer dispositivo e em qualquer lugar.

O comunicado da multinacional afirma que «com o Google Photos «pode fazer backups e guardar gratuitamente e sem limites as suas fotografias de alta resolução [até 16 megapíxeis] e vídeos de alta definição [até 1080p]».

Jaquelline Fuller, directora da Google.org, anunciou o lançamento do projecto Google Impact Challenge – Incapacidades, que visa ajudar pessoas com deficiências físicas e mudar as suas vidas através da tecnologia.

Fuller revelou que o Google destinou 20 milhões de dólares para financiar projectos de instituições sem fins lucrativos que utilizem a tecnologia para aumentar a independência das pessoas com deficiências.

Ainda sem comentários