Vendas smartphones devem crescer 11,3% em 2015, abrandamento

Vendas smartphones devem crescer 11,3% em 2015, abrandamentoPublicado em 27/05/2015 00:49 em Indústria

A consultora e analista de mercados IDC prevê que as vendas mundiais de smartphones cresçam 11,3% em 2015, para 1,45 mil milhões de unidades, em claro abrandamento face aos 27,4% de aumento registado no ano passado.

O estudo da IDC antecipa vendas de 1,93 mil milhões de smartphones em 2019, o que significa um crescimento médio anual acumulado (CAGR) de 8,2%.

A IDC assinala que as vendas mundiais deverão manter a tendência de abrandamento, mas vários mercados continuarão a apresentar aumentos robustos em 2015 e nos próximos anos

A IDC espera que o crescimento das vendas de smartphones na China se situe em 2,5% em 2015, pela primeira vez abaixo do crescimento médio mundial.

Simultaneamente, o crescimentos das vendas de smartphones com sistema operativo Android, do Google, deverá situar-se em 8,5%, igualmente abaixo da media global.

Ryan Reith, director da IDC, citado no comunicado, sublinha que o volume de vendas dos smartphones tem ainda muitas oportunidades nos próximos anos, mas verifica-se uma desaceleração das vendas no maior mercado mundial (a China, que no primeiro trimestre teve mesmo a sua primeira quebra de vendas).

Além disso, representando a China 36% das vendas de telemóveis Android em 2014, o abrandamento naquele mercado representa uma má notícia para o sistema operativo do Google.

Reith destaca que a Apple enfrentou um desafio semelhante em 2012/2014, com um crescimento de vendas ligeiramente abaixo da média mundial, mas em 2015 os iPhone deverão conhecer um crescimento de 23,0%, com a apresentação de novos modelos com ecrãs de maior dimensão.

A IDC considera que uma parte do crescimento recente dos smartphones Android se explica pela migração de utilizadores de outros sistemas operativos que ambicionavam telemóveis com ecrãs de maiores dimensões, área em que a Apple está agora a apostar.

Os dados da IDC apontam para um crescimento de 8,5% nas vendas de smartphones Android este ano, para quase 1,15 mil milhões (quota de 79,4%), aumento de 23,0% nas vendas de telemóveis com sistema operativo iOS (da Apple), para 237 mil iPhones (quota de 16,4%) e acréscimo de 34,1% nas vendas de smartphones com Windows Phone, para 46,8 mil aparelhos (quota de 3,2%).

Para 2019, a IDC prevê que a quota de mercado do Android recue ligeiramente, para 79,0%, e a do iOS baixe para 14,2%, enquanto a do Windows Phone deve crescer para 5,4% e a quota total de outros sistemas operativos aumentar de 1,0% para 1,4% entre 2015 e 2019.

Ainda sem comentários