LG Portugal quer vender 320 mil a 330 mil smartphones 2015

LG Portugal quer vender 320 mil a 330 mil smartphones 2015Publicado em 26/05/2015 23:28 em Equipamentos

A LG Portugal tem como objectivo vender em 2015 entre 320 mil e 330 mil smartphones, após vendas de praticamente 300 mil unidades no ano passado, revelou ao Falar de Economia e Tecnologia Rui Conde, vice-presidente da companhia.

Em declarações à margem da apresentação do smartphone LG G4, o novo topo de gama da marca, Rui Conde indicou que a LG teve em Portugal em 2014 uma facturação total de 100 milhões de euros, um quarto da qual correspondeu à área dos smartphones, e que nos cinco primeiros meses de 2015 as suas receitas crescerão cerca de 12%.

Acrescentou que a LG foi, segundo a GfK, líder na área das televisões em Portugal no primeiro quadrimestre de 2015, com uma quota de 36% do mercado, e em 2014 teve nos smartphones uma quota de mercado de 7% a 8%, com quota de 5% no mercado livre e de 11% nos operadores.

Para 2015, a expectativa é de um crescimento entre 5% e 8% em número de smartphones vendidos e em facturação na área móvel.

Rui Conde destacou que a quota da LG Portugal no segmento premium (preço superior a 400 euros), aposta da companhia e em que se insere o G4, é de 4% e que a marca ambiciona atingir uma quota de 6% ainda em 2015 naquele segmento.

O vice-presidente da LG Portugal sublinhou que todos os telefones novos da marca trazem já o último sistema operativo Android, o Lollipop (5.1), e a LG vai permitindo sempre actualizar os sistemas operativos mais antigos.

Adiantou que a LG tem nos Estados Unidos um smartphone Windows Phone mas em Portugal e na Europa comercializa apenas smartphones Android e não está prevista a chegada de telemóveis com Windows Phone.

O responsável da companhia destacou que todos os smartphones com mais de 4,5 polegadas têm ecrãs curvos, uma característica que distingue a LG da concorrência, e todos os botões do equipamento estão localizados na parte traseira do telemóvel.

Marco Maltez, director da LG Mobile Communications, garantiu que o G4 tem funcionalidades que têm a mais valia de se adaptar aos utilizadores e considerou que a «suave curvatura» do novo modelo permite maior conforto de utilização e melhor visibilidade do ecrã e proporciona maior duração do equipamento.

Observou que o G4 vem com um novo processador Qualcomm (Snapdragon 808) desenhado especialmente para ele, câmara traseira de 16 megapíxeis e abertura de lente F1.8 e câmara frontal de 8 megapíxeis.

Marco Maltez observou que o novo modelo premium dispõe do LG UX 4.0, uma interface de utilizador que fornece uma experiência de utilização personalizada, com formas de utilização mais simples e intuitivas que se adaptam de forma inteligente a cada utilizador.

Inclui o Quick Shot, que permite tirar fotografias mesmo com o ecrã desligado, tocando duas vezes no botão traseiro, o Event Pocket, que facilita a criação de calendários , e o Smart Notice, que personaliza a prioridade das informações e notícias em destaque.

O LG G4, que está disponível em Portugal a partir de hoje, tem um ecrã de 5,5 polegadas Quad HD, 3 gigabytes (Gb) de memória RAM e memória interna de 32 Gb, suporta cartão microSD até 128 Gb e suporta tecnologia de quarta geração móvel.

O LG G4 em cerâmica /metal custa 599 euros no operador e 699 no mercado livre e em pele genuína 649 nos operadores e 749 no mercado livre.

Ainda sem comentários