Receitas e lucros da Novabase cresceram primeiro trimestre

Publicado em 25/05/2015 22:35 em Geral

A Novabase revelou hoje que o seu volume de negócios cresceu 5% homólogos no primeiro trimestre de 2015, para 54,1 milhões de euros, com um aumento de 52% das receitas internacionais.

Em comunicado de resultados hoje divulgado, a Novabase indica que a facturação internacional representou no primeiro trimestre mais de metade (51%) das receitas totais da maior tecnológica nacional, acima do objectivo de 40% a 45% definido para 2015.

Os lucros da Novabase tiveram um acréscimo de 23%, para 1,9 milhões de euros, segundo o comunicado publicado no sítio Internet da Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O presidente executivo (CEO) da Novabase, Luís Salvado, citado no comunicado, salientou que os números do primeiro trimestre confirmam o sucesso da estratégia de internacionalização e destacou que pela primeira vez na história da companhia as receitas internacionais ultrapassaram as geradas em Portugal.

Observou que o crescimento internacional foi fortemente impulsionado pelas operações na Europa, que representaram mais de metade da facturação no estrangeiro.

Luís Salvado precisou que a facturação dos serviços cresceu 23% e esta área representou no primeiro trimestre mais de três quartos (77%) do negócio global.

No espaço de um ano, a Novabase aumentou 5% o número de trabalhadores, para 2 393 em média do primeiro trimestre, com o número de empregados em Portugal a crescer de 2 105 para 2 178 e o de trabalhadores no estrangeiro de 178 para 215.

Para 2015, a companhia manifesta confiança em atingir os objectivos traçados para 2015, «apesar da incerteza relativa em alguns mercados onde actua».

Ainda sem comentários