Vendas de smartphones cresceram 16,7%, para 336,5 milhões

Vendas de smartphones cresceram 16,7%, para 336,5 milhõesPublicado em 30/04/2015 00:10 em Indústria

As vendas mundiais de smartphones cresceram 16,7% no primeiro trimestre de 2015, para 336,5 milhões de unidades, estima a consultora e analista de mercados IDC.

A IDC indica que as vendas totais de telemóveis, incluindo os telefones tradicionais, baixaram 0,1%, para 458,9 milhões de dispositivos.

A Samsung, apesar de uma queda homóloga de 7,0% nas vendas de smartphones no primeiro trimestre e de uma redução de 6,2 pontos percentuais (PP) na quota de mercado, manteve a liderança mundial nos smartphones, com 82,4 milhões de unidades vendidas e uma quota de 24,5%.

A Apple consolidou o segundo lugar e aproximou-se da líder, com um aumento homólogo de 40,0% nas vendas, para 61,2 milhões de iPhones, e uma quota de mercado de 18,2%, mais 3 pp do que no primeiro trimestre de 2014.

A chinesa Lenovo ascendeu ao terceiro lugar com 18,8 milhões de smartphones vendidos (mais 49,2%) e uma quota de 5,6%, ultrapassando a também chinesa Huawei, cujas vendas aumentaram 25,9%, para 17,0 milhões de unidades, ficando com um peso de 5,0% neste mercado.

No entanto, contabilizando no ano passado a produção da norte americana Motorola, entretanto adquirida pela Lenovo, as vendas de smartphones da companhia chinesa teriam descido 0,9% homólogos.

A IDC estima que a LG se situou na quinta posição, com 15,4 milhões de smartphones vendidos (mais 25,3%) e uma quota de 4,6%. A LG conseguiu assim ficar à frente da chinesa Xiaomi, que tem uma presença geográfica mais limitada.

Os cinco maiores fabricantes de smartphones detêm em conjunto quase 58% do mercado de smartphones.

Ainda sem comentários