Receitas e lucros da Huawei cresceram a dois dígitos

Receitas e lucros da Huawei cresceram a dois dígitosPublicado em 01/04/2015 02:27 em Indústria

As receitas e lucros do gigante chinês fabricante de equipamentos de telecomunicações cresceram a dois dígitos em 2014, ano em que se verificou também um forte crescimento do investimento em investigação e desenvolvimento (I&D), anunciou a companhia.

Em comunicado de resultados divulgado terça-feira, a Huawei revelou que o seu volume de negócios cresceu 20,6% no ano passado, para 288,2 mil milhões de renminbi (43,2 mil milhões de euros), e os seus lucros aumentaram 32,7%, para 27,9 mil milhões de renminbi (4,2 mil milhões de euros).

O maior crescimento de receitas, de 32,6%, para 75,1 mil milhões de renminbi (11,3 mil milhões de euros), verificou-se na área de negócio de consumidores, devido ao forte crescimento da procura de smartphones, que foi particularmente forte nos mercados emergentes.

A multinacional chinesa indica que no ano passado vendeu mais de 20 milhões de smartphones a nível mundial, com destaque para as vendas de mais de 4 milhões de Ascend P7.

Ken Hu, vice-presidente e CEO rotativo da Huawei, citado no comunicado, salienta que o forte crescimento das receitas se deve ao foco continuado na estratégia definida e o aumento da rentabilidade advém da agilidade da sua gestão e de melhorias de eficiência.

A Huawei adianta que investiu em I&D 40,8 mil milhões de renminbi (6,1 mil milhões de euros) no ano passado, o que representa 14,2% da facturação e um crescimento de 29,4% face a 2013, e que a despesa em I&D excedeu na última década os 190 mil milhões de renminbi (28,5 mil milhões de euros).

Indica que a companhia já implementou comercialmente 174 redes de telecomunicações móveis de quarta geração LTE.

A Huawei anuncia que no período de 1 de Abril a 30 de Setembro de 2015 Eric Xu desempenhará as funções de CEO rotativo da multinacional.

Ainda sem comentários