Mercado tablets deve crescer 10% ao ano até 2010

Mercado tablets deve crescer 10% ao ano até 2010Publicado em 31/03/2015 01:40 em Equipamentos

As unidades vendidas no mercado de tablets devem ter um crescimento médio composto de 10% ao ano entre 2015 e 2020 e as receitas geradas deverão ter um crescimento anual composto de 3% no mesmo período, prevê a ABI research.

Aquela analista de mercados indica que no ano passado os iPad, da Apple, registaram uma redução de vendas de 15%, enquanto as vendas de tablets da Samsung progrediam 7%, devido ao êxito de modelos como o Galaxy Tab S e das séries Tab 4.

A ABI Research diz que a Apple, a Samsung e a Lenovo estão no Top 3 do mercado de tablets e controlaram em conjunto quase três quartos (72%) do mercado mundial no ano passado.

A consultora considera que 2015 será um ano interessante no mercado da computação móvel com a Microsoft a planear introduzir o Windows 10 (para o mercado de computadores/tablets e smartphones) e os fabricantes a apostarem nos mercados emergentes.

Stephanie Van Vactor, analista da ABI, salienta que os fabricantes de tablets procuram novas vias para continuarem a crescer, apostando em mercados menos saturados com dispositivos de gama baixa, com margens mínimas e com oferta de serviços de valor acrescentado limitados.

Por isso, a tentativa de usar os tablets para substituir os computadores não foi tão bem sucedida como os fabricantes inicialmente previam, sublinha Stephanie Van Vactor.

Acrescenta que os phablets (smartphones com ecrãs de 5,5 polegadas ou maiores) estão a competir directamente com os tablets e a retirar-lhes mercado.

Ainda sem comentários