Lucros Sonaecom caíram fortemente primeiro semestre

Publicado em 07/08/2014 00:24 em Geral

A Sonaecom, holding do grupo Sonae para a área das comunicações e tecnologias da informação (TI), anunciou hoje que os seus lucros baixaram 87,4% no primeiro semestre, para 2,6 milhões de euros.

Em comunicado de resultados publicado no sítio Internet da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a companhia revela que a queda dos lucros é maioritariamente explicada por um maior nível de depreciações e amortizações e por um menor EBITDA.

Os resultados financeiros foram negativos em 6,3 milhões de euros no primeiro semestre

A Sonaecom revela que o seu volume de negócios cresceu 0,3% na primeira metade de 2014, para 65,6 milhões de euros. As receitas de serviços caíram 4,9%, para 47,2 milhões de euros, mas as vendas de equipamentos progrediram 17,6%, para 17,9 milhões de euros.

A companhia recorda que até 26 de Agosto de 2013 detinha a Optimus a 100% mas a partir daí ficou com uma participação de 50% no capital da ZOPT, que detém 50,01% do capital do operador de telecomunicações NOS, que integrou a ZON e a Optimus.

Na área do Software e Sistemas de Informação (SSI), a Sonaecom indica um aumento de 4,1% da facturação, para 57,9 milhões de euros.

A holding do grupo Sonae para as comunicações e as tecnologias da informação revela que as despesas de capital (CAPEX) do sector SSI desceram 16,5%, para 2,7 milhões de euros.

O comunicado adianta que a WeDo Technologies, líder mundial de «business assurance», continuou a expandir a sua presença internacional, que já representa três quartos da sua facturação. A WeDo tem como clientes mais de 180 operadores de telecomunicações de mais de nove dezenas de países, precisa.

Acrescenta que a Saphety continuou a consolidar a sua posição, dispondo de 8 100 clientes e 100 mil utilizadores em duas dezenas de países, a Mainroad esteve focada na oferta de soluções de «information security» e criou uma nova unidade de negócio nesta área e a Bizdirect lançou um centro de competências em Viseu.

Ainda sem comentários