Receitas Nokia baixaram 11% no primeiro semestre

Publicado em 25/07/2014 01:25 em Indústria

O volume de negócios das operações continuadas da multinacional de equipamentos e serviços de telecomunicações Nokia baixou 11%, para 5 506 milhões de euros, revelou quinta-feira a companhia finlandesa.

Em comunicado de resultados, a Nokia indica que teve na primeira metade de 2014 resultados operacionais positivos em 526 milhões de euros, que compara com prejuízos operacionais de 18 milhões de euros em igual período do ano passado.

Os valores excluem para o primeiro semestre deste ano e período homólogo de 2013 as contas da área de produção de telemóveis da Nokia, entretanto vendida à Microsoft.

A Nokia Networks, que produz equipamentos e soluções para redes de telecomunicações, apresentou no primeiro semestre receitas de 4 894 milhões de euros, em queda de 12%, a Here (mapas e software de navegação) 441 milhões de euros, uma redução de 2% e a Nokia Technologies facturou 278 milhões de euros, um acréscimo de 4%.

A Nokia explica que o aumento de receitas da Nokia Technologies se explica principalmente por a Microsoft se ter tornado um cliente mais significativo do licenciamento de propriedade intelectual da Nokia e pela venda do negócio de dispositivos e serviços à Microsoft.

Ainda sem comentários