Volume de negócios da Vodafone caiu 1,9% no ano fiscal 2014

Publicado em 21/05/2014 01:06 em Operadores / Serviços

O volume de negócios da multinacional britânica Vodafone caiu 1,9% no ano fiscal de 2014 (terminado a 31 de Março), para 43 616 milhões de libras (53 599 milhões de euros), anunciou a companhia.

Em comunicado internacional de resultados, a Vodafone indica que as receitas de serviços caíram 2,4%, para 39 529 milhões de libras (48 576 milhões de euros).

Na Europa as receitas de serviços baixaram 2,0%, para 25 977 milhões de libras (31 922 milhões de euros), e no resto do mundo reduziram-se 4,7%, para 13 087 milhões de libras (16 082 milhões de euros).

Os resultados operacionais da multinacional caíram 37,4%, para 7 874 milhões de libras (9 676 milhões de euros).

A Vodafone salienta que nos próximos dois anos prevê investir internamente 19 mil milhões de libras (23 mil milhões de euros).

A companhia assinala que a 31 de Março atingiu 4,7 milhões de clientes de tecnologia de quarta geração móvel (4G) num conjunto de 14 países.

O número de clientes do serviço Red (chamadas quase ilimitadas para todas as redes com um custo fixo), disponível em 20 mercados, atingiu os 12 milhões no fim de Março, adiantou.

A Vodafone destaca que o seu negócio empresarial representa já 27,4% do total do negócio de serviços do grupo.

Vittorio Colao, CEO da Vodafone, citado no comunicado, garante que 2014 foi um ano fiscal com «progressos estratégicos substanciais» e destaca o forte crescimento da actividade nos mercados emergentes.

Ainda sem comentários