Conselhos de segurança para redes Wi-Fi

Publicado em 05/03/2014 23:41 em Segurança Informática

A empresa de segurança informática Check Point sublinha que nunca foi tão fácil dispor em casa de uma rede para ligação à Internet como com a tecnologia Wi-Fi, mas alerta para a necessidade de os utilizadores tomarem medidas para garantir a segurança dessa rede contra intrusões.

Em comunicado, a Check Point sublinha que quem conseguir entrar na rede Wi Fi pode interceptar todos os dados enviados a partir dos computadores da rede ou por eles recebidos, conduzir as ligações para um sítio Internet malicioso e mesmo conseguir acesso a computadores e outros equipamentos ligados à rede Wi-fi.

Embora os passos específicos para assegurar a protecção das redes Wi-Fi variem conforme os fabricantes do hardware ou mesmo dos modelos, a companhia de segurança assinala que as opções são geralmente universais.

A Check Point aconselha três passos para garantir a segurança.

O primeiro é encriptar a rede com WPA2. Observa que encriptar a rede com WPA2 é muito importante para as redes domésticas e sublinha que a encriptação WEP não é segura e alguns outros métodos apresentam uma complexidade exagerada.

Desaconselha a ligação do WPS (Wi-Fi Protected Setup) porque nem sempre funciona consistentemente e o seu PIN de nove dígitos é vulnerável a tentativas de obtenção do código por terceiros. Se um pirata informático aceder ao PIN do WPS nada o impedirá de aceder à toda a informação partilhada nessa rede.

Um segundo conselho da Check Point é que os utilizadores mudem sempre as palavras passe que vêm de origem com os routers comprados. E verificar se o router veio com algum SSID (nome da rede wireless) pré-configurado e alterar as respectivas palavras passe desses SSID caso não as esteja a utilizar.

Um terceiro conselho da companhia é verificar regularmente quem está ligado à rede utilizando a «device list» (lista de dispositivos), que mostra o nome de todos os equipamentos ligados à rede. Quando o router tem funcionalidades avançadas, o «guest networking deve ser desactivado e deve ser mantida activa a firewall do router e uma firewall de software.

Por último, a Check Point alerta para que devem ser feitas actualizações regulares ao firmware do router, sempre que estejam disponíveis novas actualizações.

Ainda sem comentários