ACSS valida software da tecnológica Quidgest

Publicado em 10/09/2010 22:43 em Software

A Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) validou a nova versão do software de prescrição electrónica de medicamentos da tecnológica portuguesa Quidgest, anunciou a companhia.

Em comunicado, a Quidgest afirma que a nova versão da sua aplicação informática já está preparada para responder às alterações na legislação sobre comparticipação de medicamentos e para fornecer, de forma automática e exaustiva, informação no acto da prescrição sobre a existência de medicamentos mais baratos no mercado.

Entre as principais funcionalidades daquele software, a Quidgest destaca a disponibilização de informação sobre os quatro medicamentos equivalentes mais baratos, a possibilidade de substituição automática do medicamento inicialmente prescrito pelo mais barato e a indicação, na própria receita, da poupança que pode ser realizada pelo utente.

A Quidgest considera que este é um exemplo de como «os sistemas de informação têm um papel essencial na racionalização de custos» na saúde.

A companhia sublinha que o seu software de prescrição electrónica foi implementado pela primeira vez em centros clínicos em 1998 e foi pioneiro em Portugal.

A Quidgest é uma empresa tecnológica 100% portuguesa, que integra a rede de PME inovadoras da COTEC e que tem mais de 200 soluções informáticas em produção.

A tecnológica nacional tem filiais em Espanha, Reino Unido, Moçambique e Timor Leste e parcerias na Alemanha, Angola e Lituânia.

Além de uma aplicação de geração automática de software – o Genio -, a Quidgest tem soluções para a Administração central, regional e local, software empresarial e aplicações para a área da saúde.

Ainda sem comentários