Nokia anuncia lucros operacionais nas operações continuadas

Publicado em 23/01/2014 23:42 em Indústria

A Nokia anunciou hoje lucros operacionais de 41 milhões de euros em 2013 nas operações continuadas, saindo do vermelho (prejuízos operacionais de 1 483 milhões de euros em 2012) mas continuou a apresentar prejuízos operacionais nas operações descontinuadas.

A divisão de telefones móveis, vendida à Microsoft, teve um prejuízo operacional de 780 milhões de euros, ainda assim em desagravamento face a 2012.

O volume de negócios das operações continuadas baixou 17%, para 12 709 milhões de euros, e o das operações descontinuadas caiu 29%, para 10 735 milhões de euros.

A Nokia apresentou um prejuízo de 739 milhões de euros no ano passado, resultante de um prejuízo de 780 milhões de euros das operações descontinuadas e um lucro de 41 milhões de euros nas operações continuadas.

O fabricante de soluções e equipamentos de redes de telecomunicações NSN– Nokia Solutions and Networks, registou receitas de 11 282 milhões de euros (menos 18% homólogos e os resultados operacionais voltaram a positivos em 420 milhões de euros.

Risto Siilasmaa, presidente e CEO interino da Nokia, citado no comunicado de resultados, manifestou satisfação com os progressos alcançados com a estratégia da companhia e as oportunidades que se abrem nas áreas em que a Nokia continua a actuar.

Ainda sem comentários