Android representa 97,5% dos ataques a plataformas móveis

Publicado em 23/11/2013 02:46 em Segurança Informática

O sistema operativo Android foi no terceiro trimestre o alvo de 97,5% dos ataques maliciosos contra plataformas móveis, indica a empresa de segurança informática Kaspersky, no seu último relatório sobre malware móvel.

A Kaspersky considera que o peso esmagador do software malicioso para Android no total das plataformas móveis «não é surpreendente», tendo em conta que o sistema operativo do Google é o mais popular e a empresa mantém a opção de instalar aplicações de terceiros.

Adianta que no terceiro trimestre foram descobertas duas vulnerabilidades muito perigosas na plataforma Android, ambas conhecidas como «Master Keys», (chaves mestras).

A companhia russa assinala que no terceiro trimestre de 2013 identificou 120 341 modificações de malware móvel, quase 20 mil mais do que no trimestre anterior. Observa que as modificações não são detecções individuais de programas maliciosos mas sim códigos maliciosos que infectam aplicações móveis legítimas.

Os cavalos de Tróia por SMS representaram 61% de todos os programas maliciosos móveis.

A Kaspersky indica que o terceiro trimestre foi o período das redes bot (redes de dispositivos inteligentes controlados que são usados em conjunto para ataques).

Ainda sem comentários