Quase um terço utilizadores infectados na Internet, Panda

Publicado em 02/10/2013 01:21 em Internet

A companhia espanhola de segurança informática Panda garante que no segundo trimestre de 2013 foram infectados na Internet em todo o mundo quase um terço (32,77%) dos internautas.

O estudo da Panda afirma que a criação de programas maliciosos no segundo trimestre alcançou números recorde, que os cavalos de Tróia continuam a ser a maior fonte de infecções e que houve um «aumento exponencial» do software malicioso para ambientes Android (plataforma do Google para dispositivos móveis).

Indica que o malware criado no segundo trimestre cresceu 12% face a período homólogo de 2012, com os cavalos de Tróia a representarem 77,2% do software malicioso, os vermes 11,3% e os vírus 10,3%.

A Panda indica que a China lidera a percentagem de utilizadores infectados (52,36%), seguindo-se a Turquia (43,59%) e o Peru (42,14%).

No extremo oposto situam-se a Suécia, com uma taxa de infecções de 21,03%, a Noruega (21,14%), a Alemanha (24,18%) e o Japão (24,1%).

A Panda recorda que a ciber espionagem a países e a pessoas foi um dos grandes protagonistas do segundo trimestre, com as denúncias sobre as actividades de espionagem da NSA – Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos, uma agência de serviços secretos.

Ainda sem comentários