Sector financeiro em Portugal reduz investimento em tecnologias

Publicado em 13/09/2013 01:17 em Geral

O sector financeiro em Portugal reduziu em 2012 em mais de 17% o seu investimento em tecnologias da informação e comunicações (TIC), estima a consultora e analista de mercados IDC.

O relatório da IDC sublinha que a recessão económica em Portugal e a necessidade de as instituições reconhecerem imparidades e de capitalizarem os seus activos levou o sector financeiro a reduzir substancialmente as despesas com TIC.

A IDC estima que as instituições financeiras gastaram no ano passado 921 milhões de euros em tecnologias da informação e comunicações, uma redução superior a 17% face aos 1,1 mil milhões de euros.

A consultora sublinha que a queda da despesa em 2012 foi transversal a todos os sectores das TIC mas os segmentos mais penalizados foram o hardware (quebra de 34%) e o software (recuo de 33%).

Acrescenta que a despesa com serviços informáticos terá caído 10% e com comunicações se reduziu 5%.

A IDC indica que em 2012 a despesa do sector bancário em TIC baixou 16%, para 828 milhões de euros, enquanto o sector segurador viu o seu investimento das TIC reduzir-se em quase 30%, para 92,7 milhões de euros.

Ainda sem comentários