Universidades norte-americanas alvo de ataques informáticos

Publicado em 19/07/2013 01:37 em Segurança Informática

As universidades norte-americanas estão a ser alvo de milhões de tentativas de ataques informáticos por semana, indica o jornal New York Times.

Num artigo de Richard Pérez-Peña, o diário assinala que as universidades estão a ser obrigadas a reforçarem a segurança dos seus sistemas informáticos e a restringirem a cultura de abertura que faz parte da vida universitária, além de tentarem determinar que informação foi roubada quando os ataques são bem sucedidos.

Responsáveis universitários reconhecem que alguns ataques tiveram êxito, mas recusam especificar o que foi roubado, para além de dados pessoais como os números da segurança social.

O New York Times recorda que as universidades dos Estados Unidos e os seus professores produzem anualmente milhares de patentes, algumas com grande valor potencial, em áreas como medicamentos, chips de computadores, tecnologia de «fuel cell» (célula de hidrogéneo), aviação ou equipamentos médicos.

Rodney Peterson, que dirige o programa de segurança informática da Educause, uma associação que agrupa escolas superiores e companhias tecnológicas, disse ao New York Times que está a verificar-se um crescimento exponencial no número e sofisticação dos ataques informáticos a universidades.

Aquela situação obriga a aumentar fortemente o investimento na protecção dos sistemas informáticos das escolas.

Fontes universitárias disseram ao jornal que a maior parte dos ataques parece ser proveniente da China.

Ainda sem comentários