Procura de TV por Internet com rápido crescimento - Ericsson

Publicado em 26/08/2010 00:08 em Destaques

A procura de conteúdos de televisão por Internet está a crescer rapidamente, embora 93% dos consumidores ainda utilizem o sistema clássico de televisão, segundo um estudo da Ericsson feito na China, Alemanha, Espanha, Suécia, Taiwan, Estados Unidos e Reino Unido, com uma amostra representativa de mais de 300 milhões de consumidores.

O estudo «Multi Screen Media Consumption 2010», da multinacional sueca fabricante de equipamentos de telecomunicações, revela que, em média, as pessoas passam 35% do seu tempo de lazer a ver televisão e conteúdos vídeo e que as novas tenologias criam novos padrões de consumo de media.

Cerca de 70% dos inquiridos vêm conteúdos televisivos importados por Internet ou de IPTV (televisão sobre protocolo Internet) pelo menos uma vez por semana e metade vêem semanalmente conteúdos de televisão ou vídeo «on demand» recebidos por Internet.

A Ericsson sublinha que a impossibilidade de, na televisão clássica, os consumidores poderem decidir quando querem ver um programa afecta o papel deste meio de recepção de TV, porque os utilizadores querem poder decidir quando e como visualizar os programas.

«Os consumidores procuram uma solução que lhes ofereça a liberdade de escolherem o que querem [ver], quando querem e como querem. O foco está na experiência dos utilizadores, mais do que na plataforma tecnológica», defende o consultor sénior da Ericsson, Anders Erlandsson.

Ainda sem comentários