Vendas de PC e tablets devem crescer 7,3% em 2013

Vendas de PC e tablets devem crescer 7,3% em 2013Publicado em 26/06/2013 12:15 em Equipamentos

As vendas totais de computadores e tablet PC deverão crescer 7,3% em 2013, exclusivamente devido a um acréscimo de 59,2% nas vendas de tablet PC, prevê a consultora e analista de mercados Canalys.

A Canalys antecipa vendas totais de 493,1 milhões de unidades no ano em curso, das quais 105,0 milhões de computadores de secretária (menos 5,4%), 205,6 milhões de portáteis (menos 12,2%) e 182,5 milhões de tablets.

Adianta que no primeiro trimestre de 2013, o mercado de computadores de secretária baixou 10,3%, o de portáteis reduziu-se 13,1% mas as vendas de tablets mais do que duplicaram, subindo 106,1%.

Para 2017, a Canalys avança uma previsão de 713,8 milhões de PC e tablets, um acréscimo anual médio acumulado (CAGR na sigla inglesa) entre 2013 e 2017 de 9,7%, sendo 85,8 milhões computadores de secretária (CAGR de menos 4,9%), 171,9 milhões de portáteis (CAGR de menos 4,4%) e 456 milhões de tablets, um crescimento médio anual acumulado de 25,7%.

Segundo aquela analista, em 2017 quase dois terços (64%) das vendas serão tablets, 25% PC portáteis e 11% computadores de secretária.

A Canalys salienta que o lançamento do Windows 8 falhou na dinamização do mercado de PC mas há expectativas positivas em relação à actualização para Windows 8.1, que será disponibilizada gratuitamente aos utilizadores licenciados de Windows 8.

Os ciclos de lançamento de novas versões do Windows estão a ganhar velocidade, mas a Microsoft precisa de ter em consideração as críticas aos interfaces de utilizador, sob pena de perder mais terreno para os sistemas operativos da Apple e do Google, alerta Tim Coulling, analista sénior da Canalys.

A Canalys afirma que a grande esperança do Windows são os híbridos de PC portátil e tablet e convertíveis, combinando o melhor dos dois, mas que até agora têm desapontado devido aos preços altos e ao facto de o elemento tablet desses híbridos ser geralmente demasiado pesado.

A Canalys diz que as vendas de híbridos ou convertíveis dos diversos sistemas operativos deverão ficar abaixo de 2% das vendas totais de computadores e tablets.

A consultora destaca que um conjunto de fabricantes chegou ao mercado com computadores que utilizam o sistema operativo Android, incluindo a Acer, Asus e HP, mas estão a entrar num mercado saturado e em que as margens dos produtos são baixas.

Pin-Chen Tang, analista da Canalys, sublinha que os tablets de baixo custo não deixam margem aos fabricantes e essa margem é conseguida através da venda de acessórios, em particular acessórios de alta tecnologia.

Observa que os fabricantes que pretendem ter relevância e escala têm geralmente de entrar nesses segmentos de baixo custo.

A consultora prevê que em 2013 os iPad (Apple) deverão representar 49% do mercado de tablets e os que têm o sistema operativo Android (multimarca) 45%.

Ainda sem comentários