Futuro são tablets com ligação Wi-Fi e banda larga móvel

Futuro são tablets com ligação Wi-Fi e banda larga móvelPublicado em 06/06/2013 00:48 em Equipamentos

A Strategy Analytics prevê que os tablets com ligações de banda larga móvel se vão expandir rapidamente nos próximos cinco anos, para atingirem em 2017 um total superior a 165 milhões de tablets com serviços móveis de dados.

Aquela consultora e analista de mercados salienta que actualmente dominam os tablets só com ligação Wi-Fi, mas os tablets com acesso a banda larga móvel deverão multiplicar-se por oito vezes entre 2012 e 2017.

Acrescenta que o tráfego gerado por tablets nas redes móveis deverá contribuir com cerca de 20 mil milhões de dólares (15 mil milhões de euros) para as receitas dos operadores móveis e gerar próximo de 3,5 milhões de terabytes (Tb) de tráfego de dados nas redes de terceira e quarta geração.

A Strategy Analytics afirma que o factor de dinamização dessa evolução no curto prazo são as tarifas dos operadores que visam estimular a subscrição de redes móveis por clientes com tablets.

A consultora considera que para o crescimento de tablets com banda larga móvel têm também particular importância os planos tarifários que estão a surgir em diversos operadores e que permitem que múltiplos dispositivos partilhem o tráfego de dados de um mesmo plano de dados ou dados e voz.

A Strategy Analytics salienta que os tablets com banda larga móvel são uma importante oportunidade de crescimento para os operadores de redes móveis, indicando que em 2012 apenas menos 10% dos tablets tinham essa capacidade.

Phil Kendall, director da Stategy Analytics, indica que os Estados Unidos, China, Japão e Reino Unido serão mercados líderes na subscrição de banda larga móvel para tablets, acrescentando que também antecipa forte crescimento no Brasil e Índia.

Ainda sem comentários