ASUS lançou hoje tablet Fonepad em Portugal

ASUS lançou hoje tablet Fonepad em PortugalPublicado em 15/05/2013 00:10 em Equipamentos

A ASUS lançou hoje em Portugal o novo tablet Fonepad, um terminal de 7 polegadas com processador Intel Atom e plataforma Android 4.1, com tecnologia móvel de terceira geração e banda larga móvel, por um preço de 249 euros.

Em apresentação à imprensa, André Gonçalves, relações públicas da ASUS em Portugal, destacou a convergência entre smartphones, tablets e portáteis e assinalou que o novo dispositivo é um tablet mais telefone, o que permite associar os planos de dados das redes móveis para as duas funcionalidades.

O responsável da ASUS adiantou que o processador Intel Atom, que equipa o Fonepad, foi uma aposta do fabricante para conseguir melhor desempenho, incluindo melhor desempenho gráfico, e poupança de bateria, com nove horas de autonomia de bateria.

André Gonçalves indicou que, ao nível de software, o novo tablet vem com solução Buddy Buzz, que é um agregador de redes sociais, ASUS Studio, que facilita a edição e partilha de fotografias e ASUS Story, que permite criar apresentações utilizando as fotos existentes, além de aplicações para música, bloco-notas digital e outras.

O tablet traz uma memória RAM de 1 gigabyte (Gb), tem uma capacidade de armazenamento interno de 16 Gb e suporta cartões microSD até 32 Gb, inclui uma câmara traseira de 3 megapíxeis e vem com tecnologias de navegação GPS e Glonass (sistema russo de satélites análogo ao GPS), o que pode permitir manter o sinal em locais onde o sinal GPS é fraco.

À margem da apresentação, André Gonçalves disse ao Falar de Tecnologia que a estratégia da ASUS em Portugal visa «consolidar uma posição de liderança no mercado ‘mobile’», que inclui «notebooks» e «netbooks», e aumentar a sua quota e o volume de negócios no emergente mercado de tablets.

Apontou a ambição da ASUS de «continuar a ser reconhecida» como uma marca de sistemas inovadores, focada nos sistemas de ecrãs sensíveis ao toque, área onde a ASUS tem de momento uma quota de 80% nos portáteis.

André Gonçalves adiantou que a ASUS pretende fechar 2013 com uma quota de 25% no mercado de portáteis, «consolidando a posição da ASUS como número 1», e uma quota de mercado entre os 15% e os 20% nos tablets.

Revelou que as estimativas da consultora GFK para o primeiro trimestre de 2013 apontam para uma quota de 20,1% nos portáteis, mais 1,9 pontos percentuais do que em trimestre homólogo de 2012, e um peso de 9,6% no mercado português de tablets.

André Gonçalves disse que o Fonepad «é um produto bandeira da ASUS no mercado de tablets», com um preço «muito atractivo», e garantiu que as expectativas de vendas são «muito ambiciosas» mas não adiantou números.

Ainda sem comentários