Bluetooth pode trazer riscos de segurança

Publicado em 05/05/2013 18:06 em Geral

A firma de segurança informática russa Kaspersky alerta para os riscos que pode envolver a utilização da tecnologia «bluetooth» quando o modo Bluetooth está activado e configurado para se manter visível.

A companhia de segurança destaca as vantagens daquela tecnologia para facilitar a comunicação entre equipamentos móveis e entre móveis e fixos sem necessidade de cabos e sem custos de ligação ao operador e a facilidade em criar redes sem fios de proximidade.

Mas a Kaspersky sublinha que desde que apareceu o primeiro verme informático para terminais móveis, o Cabir, que infectava smartphones com a plataforma Symbian mas que se limitava a fazer aparecer a palavra sem outras consequências, os ataques aproveitando a tecnologia «Bluetooth» cresceram e aumentaram de gravidade.

Observa que o «bluebugging» permite o acesso remoto ao telefone do utilizador e uso das suas funções, como escutar e fazer chamadas e enviar mensagens, sem ser detectado pelo dono do telemóvel. Isto poderá traduzir-se em facturas avultadas sem explicação plausível aparente, sobretudo quando são feitas chamadas internacionais.

O «Car Whisperer» é um software malicioso que permite aos atacantes capturar o áudio dos automóveis que tenham um dispositivo de mãos livres «Bluetooth», possibilitando aos cibercriminosos ouvir os telefonemas e as conversas dentro do carro, adianta a Kaspersky.

O «bluejacking» é um spam por «Bluetooth» que envia mensagens ou cartões de visitas virtuais para todos os dispositivos ligados num raio de 10 metros, infectando o telefone e permitindo adicionar o cartão de visita à agenda do telefone atacado.

A Kaspersky indica que a melhor prevenção para este tipo de ataques é ter o «Bluetooth» desactivado quando não está a ser utilizado.

Acrescenta que há algumas aplicações que podem ajudar os utilizadores de smartphones a prevenirem aqueles ataques.

No caso dos iPhone e iPad, a Kaspersky recomenda as aplicações «Battery Doctor», «Battery Life Pro» e «Battery» e para terminais Android sugere as aplicações «Tasker», «Juice Defender», «NFC-enabled» e «Sony SmartTag».

Ainda sem comentários