Despesa de TI na região EMEA cairá em 2012 e vai crescer em 2013

Publicado em 13/11/2012 01:06 em Geral

As despesas em tecnologias da informação (TI) deverão cair 3,6% em 2012 na região EMEA (Europa, Médio Oriente e África), para 1,14 biliões de dólares (897 mil milhões de euros), e crescer 1,4% em 2013, para 1,15 biliões de dólares (910 mil milhões de euros), prevê a consultora e analista de mercado Gartner.

As despesas TI na Europa Ocidental deverão cair este ano 5,9% na Europa Ocidental, acrescenta.

A Gartner antecipa que as despesas com TI na Europa Ocidental deverão continuar a crescer até 2016 e ascender nesse ano a quase 1,25 biliões de dólares (980 mil milhões de euros).

Peter Sondergaard, vice-presidente sénior da Gartner, salienta que a indústria móvel é a estrela da indústria de TI com as vendas de smartphones e tablets a superar claramente as compras de PC tradicionais.

A Gartner prevê que as compras de computadores portáteis, tablet PC e smartphones representem uma receita de 136 mil milhões de dólares (107 mil milhões de euros) este ano na região EMEA e que atinjam os 188 mil milhões de dólares (148 mil milhões de euros) em 2013.

Na Europa Ocidental, as vendas de portáteis deverão cair 5% este ano mas as de dispositivos móveis poderão crescer 8%, dinamizadas pelas vendas de tablets.

A Gartner prevê que em 2016 cerca de dois terços dos trabalhadores utilizarão um smartphone ou tablet e assinala que os produtores de software terão de reescrever as suas aplicações para funcionarem com tablet PC.

à Gartner admite que as vendas de software cresçam e atinjam os 100 mil milhões de dólares (79 mil milhões de euros) em 2016.

Ainda sem comentários