Dados 4G com preços 20% mais altos do que 3G

Publicado em 10/10/2012 00:52 em Operadores / Serviços

Os preços praticados pelos operadores de telecomunicações para os dados de quarta geração (4G, tecnologia LTE) são em média 20% mais caros do que os de planos tarifários análogos de terceira geração, indica a consultora e analista de mercado ABI Research.

A ABI assinala que operadores como a SK Telecom (Coreia do Sul) baixaram os seus preços dos serviços LTE – Long Term Evolution para manter a competitividade, e o mesmo fizeram congéneres na Noruega, Hong Kong ou Estados Unidos.

A ABI Research diz que os preços mais baratos para a quarta geração móvel são os praticados pelo CSL, de Hong Kong, que lançou serviços com aquela tecnologia em Novembro de 2011, enquanto a tarifa mais baixa para serviços de dados de terceira geração móvel é oferecida em Singapura, pelo operador M1.

A ABI recorda que o LTE permite aos operadores não só transmitir dados com maiores velocidades mas também um aumento de capacidade, pelo que há margem para uma certa elasticidade dos preços praticados.

Observa que, à medida que os preços dos smartphones de quarta geração baixem, os operadores terão interesse em aumentar a quota de mercado na tecnologia de quarta geração.

Aquela consultora assinala que vários operadores estão a lançar voz sobre LTE (VoLTE) e sublinha que a maior fidelidade dos utilizadores desses serviços poderá ajudar a inverter o declínio do ARPU (receita média por cliente) dos serviços de voz.

Ainda sem comentários