Dois terços dos sítios Internet portugueses há mais de um ano sem actualizações

Publicado em 02/10/2012 23:24 em Internet

Mais de dois terços (68%) dos sítios Internet portugueses estão sem actualizações há mais de um ano e apenas 5% foram actualizados nos últimos três meses, segundo um estudo da empresa Email Brokers, hoje apresentado a jornalistas em Lisboa.

O estudo da empresa belga especializada em marketing Internet, que hoje anunciou a instalação em Paços de Ferreira para criar uma plataforma ibérica e na América Latina coordenada a partir de Portugal, indica que há 417 653 sítios activos no país, sendo 274 mil com domínio .pt, 137 924 com domínios .com e 5 728 com domínios .org.

O número de sítios inactivos ascende a 84 711.

Do total de «Websites», 17 097 são sítios de comércio electrónico, mais do dobro dos 7 167 que existiam em 2010.

Têm uma finalidade profissional 307 091 sítios Internet, 31 601 não têm fins comerciais e 7 082 pertencem a serviços públicos, indica o relatório da Email Brokers, datado de 2 de Outubro. Os blogues e fóruns são 24 054.

A Email Brokers garante que 83% dos sítios Internet portugueses não cumpre os requisitos legais, nomeadamente a obrigação de fornecer suficiente informação relativa à entidade que está por trás do «Website».

Defende que os sítios das empresas deveriam fornecer aos visitantes um mínimo de informações sobre a sua actividade, como nome ou designação social, morada da empresa, número de telefone e endereço de correio electrónico, número de pessoa colectiva ou número de contribuinte, divulgação de códigos de conduta a que a empresa se vincule e forma jurídica da empresa ou organização.

Considera que no caso de sítios pertencentes a profissionais liberais, deveria ser indicado a associação profissional ou ordem em que está inscrito, número do título profissional e referência às regras profissionais a que está vinculado.

O relatório afirma que dos 307 091 sítios profissionais portugueses, 165 289 não têm o endereço da entidade proprietária, 217 566 não têm coordenadas de contacto, 141 073 não têm número de pessoa colectiva ou de contribuinte e 254 885 não incluem código de conduta.

Por último, a Email Brokers diz que «os empresários portugueses não são muito digitais» e garante que «95% das empresas portuguesa não percebem nada de Internet nem de economia digital».

Ainda sem comentários