Dell Portugal entra no mercado de consumo e lança novas máquinas

Dell Portugal entra no mercado de consumo e lança novas máquinasPublicado em 19/09/2012 23:13 em Geral

A Dell Portugal entrou este ano no mercado de consumo e espera vir a estar entre os principais actores do mercado nacional de computadores, indicou o director-geral da filial portuguesa, João Albuquerque.

Em encontro com a imprensa, os dirigentes da filial portuguesa apresentaram um conjunto de novos computadores, para os mercados empresarial e de consumo, que deverão ficar disponíveis entre o fim de Outubro e o início de 2013.

O responsável da Dell Portugal assinalou que a filial portuguesa assumiu este ano a responsabilidade directa pela venda de produtos de consumo no país e pretende ser forte nesta área, apostando na disponibilidade do produto nas lojas em áreas próprias, atendimento personalizado e um serviço pós-venda inovador.

João Albuquerque e Paulo Baptista, responsável pela distribuição, indicaram que durante o período de garantia (que pode chegar a três anos) a Dell garante a reparação dos computadores sem que o cliente se tenha de deslocar, no local em que o cliente se encontra, e no prazo de um dia útil.

Paulo Baptista destacou que a garantia «Dell Next Business Day», é valida para todos os computadores profissionais e para as gamas média e alta do consumo e observou que a Dell percebeu que os consumidores valorizam muito a rapidez da reparação.

João Albuquerque adiantou que a Dell está a aumentar as suas vendas num mercado em contracção.

Os responsáveis da Dell indicaram que há em Portugal 600 mil pessoas a trabalhar com computadores da Dell, geralmente no segmento empresarial.

Na gama de consumo, apresentaram a linha de entrada de gama Inspiron de portáteis e computadores de secretária, que inclui um «ultrabook», a linha XPS, com melhores características de desempenho, e três modelos computadores «alienware», que classificaram como «transportáveis», mais do que portáteis.

Os modelos «Alienware» são computadores de elevado desempenho e vocacionados para jogos, com tecnologia 3D e preços que começam em cerca de 2 mil euros, uma máquina que João Albuquerque diz que «não é para se vender aos milhares».

Na área profissional, a Dell apresentou novos computadores, portáteis e de secretária, da linha Vostro, concebidos sobretudo para pequenas e médias empresas, os portáteis Latitude e os «desktop» OptiPlex, para maiores níveis de exigência, e os topo de gama «Precision», computadores de secretária «all in one» e portáteis.

Os responsáveis da Dell indicaram que os seus computadores para consumo estarão à venda este ano em três ou quatro cadeias especializadas de retalho, número que será alargado em 2013.

Adiantaram que ainda este ano ou no início de 2013 estarão disponíveis no mercado português tablets PC da marca com plataformas Windows 8 e Android, incluindo tablat para o segmento de consumo.

Ainda sem comentários