Vendas PC caíram 2,4% na Europa Ocidental no II Trimestre

Publicado em 11/08/2012 23:27 em Equipamentos

As vendas de computadores pessoais na Europa Ocidental caíram 2,4% homólogos no segundo trimestre de 2012, para 13,64 milhões de unidades, revelou a consultora e analista de mercado Gartner.

As vendas de portáteis subiram 4% no segundo trimestre, mas as vendas de computadores de secretária recuaram 12,8%. O mercado profissional (empresas) recuou 5,3% e o mercado de consumidores ficou praticamente estável, com um ligeiro acréscimo de 0,4%.

Em comunicado, a Gartner assinala que com uma procura fraca, relacionada com as incertezas económicas, e algum adiamento de compras na expectativa da saída do Windows 8 podem levar à formação de um stock de produtos antigos que conduza a grandes descidas de preços em Setembro para escoamento das existências antes da saída do próximo sistema operativo da Microsoft, no dia 26 de Outubro.

A HP, embora com perda de quota de mercado de 2,5 pontos percentuais (pp), manteve o primeiro lugar na Europa Ocidental, com vendas de 2,76 milhões de computadores (menos 13,0% homólogos) e uma quota de 20,2%.

A Acer segurou o segundo lugar aumentando 15,3% as suas vendas, para 2,36 milhões, e atingiu uma quota de mercado de 17,3% (mais 2,7 pontos percentuais do que no segundo trimestre do ano passado).

A Asus, que vendeu quase 1,46 milhões de unidades (mais 42,8%) e aumentou a sua quota de mercado para 10,7% (mais 3,4 pp), subiu para o terceiro lugar na Europa Ocidental e relegou para a quarta posição a Dell, que vendeu 1,185 milhões de PC (menos 13,6% homólogos) e perdeu 1,1 pontos de quota de mercado, ficando com 8,7%.

A Lenovo, com quase 1,06 milhões de unidades vendidas (mais 10,0%), manteve a quinta posição no segundo trimestre, e reforçou a sua quota para 7,8% (mais 0,9 pp).

As posições ocupadas pelos cinco fabricantes no mercado francês foram idênticas às do conjunto da Europa Ocidental, mas o mesmo não aconteceu no Reino Unido e Alemanha.

No Reino Unido, a HP também liderou as vendas mas a Dell surge em segundo lugar e a Acer em terceiro. Neste ranking entra em quarto lugar a Toshiba, que só fabrica portáteis, e em quinto a Apple.

Na Alemanha, a Acer lidera com uma quota de mercado de 14,5%, seguida pela Lenovo (que foi mesmo primeira no segmento de consumo), com 13,9%, e pela HP, com 13,0%, com pequenas diferenças de vendas.

Também próximos estão a quarta marca mais vendida, a Asus, com 7,8% do mercado, e a Dell, na posição seguinte, com uma quota de 7,4%.

Meike Escherich, analista principal da Gartner, considera que os resultados desapontadores da HP no mercado germânico, com queda da liderança há um ano para o terceiro lugar, estarão em parte relacionados com a decisão de fundir os grupos de computadores e de impressoras numa única divisão da marca.

As vendas de PC aumentaram 0,7% no mercado francês, para quase 2,49 milhões de unidades, mas caíram 7,6% no britânico (para 2,52 milhões de máquinas) e baixaram 6,5% no alemão, para menos de 2,57 milhões de computadores.

Ainda sem comentários