Parceiro chinês da Samsung acusado de utilizar trabalho infantil

Publicado em 11/08/2012 01:21 em Geral

O grupo norte-americano China Labor Watch (CLW) afirma que a companhia chinesa HEG Electronics, parceira da Samsung em produtos como telemóveis e leitores de DVD, utiliza trabalho infantil na sua fábrica, anunciou a newsletter Telecoms.com.

A CLW afirma que fez três investigações em Junho e Julho de 2012 na fábrica da HEG e identificou sete menores de 16 anos entre os empregados adultos. Acrescenta que o mais novo tinha 14 anos e as crianças recebiam 70% do salário de um adulto

A organização estima que possa haver uma centena de crianças a trabalhar na fábrica da HEG, que também presta serviços à companhia norte-americana Motorola e à LG, e diz que são atribuídas às crianças tarefas perigosas que podem pôr em risco a sua integridade física.

Acrescentou que a HEG pratica horários de trabalho de 11 horas diárias, seis dias por semana.

A Samsung já garantiu que vai proceder a investigações próprias e que tomará «medidas apropriadas para garantir a correcção de quaisquer problemas» que detecte, mas sublinha que já realizou em 2012 duas inspecções na fábrica da HEG sem encontrar quaisquer irregularidades.

«A Samsung é uma companhia empenhada nos mais altos padrões de condições de trabalho e tenta mantê-los nas suas fábricas e nas fábricas de companhias parceiras em todo o mundo», garantiu um porta-voz da multinacional sul-coreana.

Ainda sem comentários