Apple admite comprar participação no capital do Twitter

Publicado em 31/07/2012 01:23 em Internet

A Apple está a considerar adquirir uma participação no capital da rede social Twitter como investimento estratégico, admitiram ao jornal New York Times fontes ligadas ao processo.

Num artigo de Evelyn Rusli e Nick Bolton, o diário nova-iorquino adianta que não estão actualmente negociações em curso e que não há garantia de que as duas empresas cheguem a acordo, mas as fontes citadas indicam que as negociações já realizadas apontam para a a Apple e o Twitter podiam constituir uma forte parceria face à intensa concorrência da Google e do Facebook.

Os autores destacam que a Apple tem tido grande êxito a vender smartphones e tablets mas tem pouca ligação às redes sociais, que se tornaram um importante meio de actividade na Web e em dispositivos móveis e influenciam cada vez mais a forma como as pessoas gastam o seu tempo e o seu dinheiro. E esta é uma questão importante para uma empresa que vende aplicações, jogos, música e vídeos.

E a Apple – sublinham – não fez muitos amigos nas redes sociais. As suas relações com o Facebook, por exemplo, são tensas.

E recentemente o CEO da Apple, Timothy Cook, numa conferência de tecnologia, dizia que a Apple não tem de ser proprietária de uma rede social, Contudo, acrescentava: «Mas precisa a Apple de ser social? Sim.»

A Apple estará, segundo o diário de Nova Iorque, disposta a investir algumas centenas de milhões de dólares no capital do Twitter, uma rede social que poderá valer mais de 10 mil milhões de dólares.

Este investimento seria para a Apple uma gota de água para uma empresa que dispõe de uma liquidez de 117 mil milhões de dólares para investimentos.

Ainda sem comentários