Alcatel-Lucent anuncia prejuízos e vai despedir mais 5 mil

Publicado em 26/07/2012 23:54 em Geral

A multinacional francesa fabricante de equipamentos e soluções de telecomunicações Alcatel-Lucent (ALU) anunciou prejuízos de 254 milhões de euros e o despedimento de 5 mil trabalhadores adicionais, apesar de no primeiro semestre ter apresentado lucros de 137 milhões de euros.

Em comunicado de resultados, a ALU indica que o seu volume de negócios baixou 7,1% homólogos no segundo trimestre, para 3 545 milhões de euros.

A multinacional anunciou que pretende fazer um corte adicional de custos de 750 milhões de euros, elevando para 1 250 milhões de euros as poupanças até ao fim de 2013

Ben Verwaayen, presidente executivo (CEO) da Alcatel-Lucent, destacou as fortes posições da companhias em muitos segmentos de mercado atractivos.

«Contudo, apesar de termos demonstrado a nossa capacidade de gerar resultados operacionais, é claro que a deterioração do ambiente macro e um ambiente de preços competitivos em certas regiões, pondo em causa a rentabilidade, obriga a mais agressivas transformações», disse o CEO.

A ALU pretende até ao fim de 2013 sair ou reestruturar áreas de negócio, sair ou reestruturar a sua presença em mercados não rentáveis e gerir a sua carteira de patentes como um centro de lucros independente.

Não é conhecido se a redução de trabalhadores atingirá a filial portuguesa. Contudo, nos últimos anos têm-se verificado em Portugal numerosas rescisões a convite (por pressão?) da Alcatel-Lucent, incluindo de quadros superiores, com pagamento de indemnizações superiores às previstas para despedimentos colectivos.

Ainda sem comentários