Google poderá pagar multa de 22,5 milhões de dólares

Publicado em 12/07/2012 01:06 em Internet

A gigante da Internet Google estará próxima de acordar com o regulador norte americano FTC – Federal Trade Comission o pagamento de uma multa de 22,5 milhões de dólares (18,4 milhões de euros), informação em que coincidem o jornal New York Times e a newsletter Telecoms.com.

A confirmar-se o valor, será a maior multa de sempre imposta pela FTC por questões relacionadas com privacidade.

A multa deve-se a alegações de que a Google estaria a ultrapassar a segurança do navegador Internet («browser») Safari, da Apple, para monitorizar o comportamento dos utilizadores de iPhones e iPads.

A Google oferece aos utilizadores do seu motor de busca informações personalizadas baseadas nos seus interesses, a partir do histórico de sítios Internet que visitaram previamente, utilizando «cookies», isto é, pequenos ficheiros que fornecem informações específicas sobre as actividades do utilizador.

O Safari, ao contrário de outros navegadores Internet, bloqueia os «cookies», mas a Google terá conseguido ultrapassar esse obstáculo e instalar «cookies» nos utilizadores do Safari, segundo o New York Times.

Terça-feira, a Google indicou que «virou essa página» e que tomou medidas para remover os «cookies» que recolhiam informação pessoal dos utilizadores do navegador da Apple.

A Google não assume responsabilidades por violações da privacidade e diz que o acordo com a multa da FTC visa evitar uma batalha judicial numa altura edm que enfrenta outras averiguações daquele regulador, segundo uma fonte ligada ao processo, citada pelo diário norte-americano.

Ainda sem comentários