Um quarto britânicos acha pior não ter Internet do que não ter água

Publicado em 03/05/2012 00:20 em Internet

Mais de um quarto (27%) dos britânicos acha que seria pior não ter Internet do que falhar-lhes a televisão, a máquina de lavar roupa ou mesmo o abstecimento de água, segundo uma sondagem da Infosecurity, uma empresa que organiza eventos de segurança da informação.

A companhia, que realizou no fim de Abril uma exposição em Londres, afirma que a falta de Internet é mais stressante para os homens (32% deram aquela resposta) do que para as mulheres (22%).

Claire Sellick, directora da Infosecurity, «salientou que os comportamentos aditivos em relação à Internet são um fenómeno novo e o facto de mais de um quarto das pessoas pôr a Internet à frente do aquecimento ou do abstecimento de água mostra como é importante para elas».

Acrescentou que é preocupante que 9% das mil pessoas interrogadas num inquérito de rua afirmassem que para voltarem a ter Internet acederiam através de redes WiFi não protegidas e que 4% admitisse piratear redes WiFi seguras, revelando a obsessão por se manterem online.

A maioria das pessoas (72%) disse que não aguentariam ficar mais do que alguns dias sem Internet e 17% que não aguentariam de todo, nem um dia, sem Internet.

Questionados sobre o que fariam para voltarem a estar online, 17% disseram que ficariam no local de trabalho, 30% iriam para um cybercafé e um quarto recorreriam a vizinhos.

Ainda sem comentários