HP apresenta primeira estação de trabalho «all-in-one» do mercado português

HP apresenta primeira estação de trabalho «all-in-one» do mercado portuguêsPublicado em 30/03/2012 00:24 em Empresas

A estação de trabalho («workstation») HP Z1 é «a primeira ‘workstation’ ‘all-in-one’ do mercado português», garantiu hoje Pedro Coelho, gestor de produto da HP, na apresentação da nova gama de estações de trabalho de alta capacidade.

Em conferência de imprensa, Pedro Coelho sublinhou que a HP Z1, que chegará ao mercado português no início de Maio, é também a primeira «all-in-one» (máquinas com computador e monitor integrado) que utiliza processadores Intel Xeon.

A Z1 tem um ecrã LED de 27 polegadas (68,6 centímetros), com elevada resolução (suporta mais de mil milhões de cores), inclui placas gráficas profissionais Nvidia, que podem ir até 2 Grigabytes (Gb) de memória dedicada, e está particularmente adequada para designers, media/entretenimento, arquitectos, trabalhos de CAD (desenho assistido por computador) e universidades e escolas de artes visuais, indicou o responsável da HP.

Pedro Coelho disse que os «quatro pilares fundamentais da Z1» são o design, por ser uma «all-in-one» e dar acesso muito fácil aos componentes, a escalabilidade da solução (facilidade de acrescentar memória, adicionar discos rígidos ou alterar a placa gráfica), a capacidade de computação gráfica e o elevado desempenho, com os processadores Intel Xeon mais recentes do mercado.

Indicou que os clientes podem escolher estações de trabalho HP Z1 com configurações à medida, que vêm de fábrica com a configuração escolhida.

Pedro Coelho apresentou também novas estações de trabalho da família Z, em formato tradicional, de torre, desde a Z210 com memória de 32 Gb e capacidade de armazenamento até 2 ou 4,5 Terabytes (Tb), até à topo de gama Z820, projectada para necessidades de computação mais exigentes, que pode chegar aos 512 Gb de memória, capacidade de armazenamento de 15 TB, suporte para cinco discos rígidos e que suporta até 16 núcleos de processamento.

Ainda sem comentários